Descubra City Cortex

Os grandes centros urbanos do planeta estão cada vez mais povoados, disfuncionais e insustentáveis e a sua adaptação aos desafios da contemporaneidade é urgente. Para além das preocupações com a segurança, a mobilidade, conforto, bem-estar e felicidade dos cidadãos, é necessário avaliar o impacto ambiental destes núcleos de grande actividade e concentração populacional. A escolha dos materiais utilizados nas suas diversas infraestruturas é uma parte incontornável desse processo de reestruturação.

 A cortiça é uma matéria-prima natural, renovável e biodegradável que pode ser aplicada em inúmeros contextos devido ao seu leque único de características. Do isolamento térmico e acústico à impermeabilidade e flexibilidade, são muitas as vantagens que tornam a camada exterior do sobreiro uma excelente aliada nos mais variados projectos de arquitectura, engenharia e design. 

 No âmbito do programa City Cortex, cinco estúdios de renome internacional estão a criar peças de equipamento urbano de utilização pública para a cidade de Nova Iorque, recorrendo a cortiça portuguesa. Diller Scofidio + Renfro, Gabriel Calatrava, Leong Leong, Sagmeister & Walsh e Philippe Starck estão a estruturar soluções para melhorar a vivência e sustentabilidade da cidade e contribuir de forma activa para a qualidade de vida e felicidade dos seus habitantes. Exemplos inovadores de como um material totalmente natural e sustentável pode ser a fonte de respostas práticas para problemas criados pelo desenvolvimento desmesurado do ser humano.

City Cortex é um programa de pesquisa e desenvolvimento promovido pela Corticeira Amorim e comissariado pela experimentadesign. Investiga a intersecção entre os contextos urbanos do século XXI e um material natural altamente versátil e sustentável: a cortiça. As criações dos estúdios convidados serão reveladas no primeiro semestre de 2020.

Voltar